Livramento Hoje

Livramento Hoje



Assessoria de Gusttavo Lima insinua que Tayrone alterou letra de música

  Sexta, 31.Março.2017 às 10h00


Foto: Reprodução

A polêmica envolvendo o cantor Gusttavo Lima e a música 'Que Mal Te Fiz Eu' pode ter novos rumos. O sertanejo foi proibido pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro de executar a canção, com risco de multa diária no valor de R$ 10 mil, em caso de descumprimento. Além disso, todos os exemplares dos CDs "Ô Sofrência" e "Arena pop 2015" devem ser recolhidos das lojas. O motivo da decisão judicial, movida pelo cantor português, Ricardo Landum, foi a alteração da letra do hit, que em outubro de 2008, foi registrada na Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), sendo autorizada a utilização sem exclusividade, mas sua letra não deveria sofrer nenhum tipo mudança. O cantor teria alterado a letra original sem a devida autorização e eliminou a seguinte estrofe: "não entendo porque me desprezas e de mim te afastas, como se eu fosse um pedinte, sim". Porém, em comunicado à Folha de S. Paulo, a assessoria de Gusttavo Lima isentou o artista dizendo que as devidas alterações se devem a mudança do idioma, mas  jogou a responsabilidade das mudanças para o cantor baianao Tayrone, que também gravou a música. Além disso, a defesa do sertanejo afirma que recebeu autorização da sua gravadora, Som Livre, para gravar uma versão da música e que  Landum recebe 100% dos direitos autorais da música. (Bocão News)
 

Comentários